Out 1, 2006
341 Visitas

Voltou a casa após o seu próprio funeral

Publicado por
Tudo começou quando Maria Fabiana de Lacerda Furtado, de 18 anos, fugiu de casa para ir viver com o seu namorado em Belo Horizonte (Brasil). Como não regressava, os familiares julgaram o pior e foram correr todos os hospitais até que reconheceram um corpo de uma rapariga baleada. Foi então providenciado o respectivo funeral.
O pior foi quando Maria Fabiana quis entrar em casa. Os seus familiares não queriam deixá-la entrar, horrorizados perante a suposta morta e enterrada.
Adriana, uma das irmãs, justificou o erro: “a mulher morta era idêntica a ela. Ambas tinham uma cicatriz no memso sítio”.
Mas não é tudo! Por sua vez, o detective Josemar Sperandio disse que “judicialmente, Maria Fabiana está morta. Ela terá que ir à justiça para anular a certidão de óbito”.
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.