Fev 19, 2018
651 Visitas

Truques de luz em provadores de lojas de roupa fazem pessoas ficar mais magras

Publicado por

Repórter experimenta modelo em provadores de lojas e acaba ‘mais magra’

A repórter Lauren Windle, do jornal “The Sun”, em Londres (Inglaterra), recebeu do chefe a missão de experimentar o mesmo vestido em cabines de dez lojas diferentes da capital inglesa – entre elas, Zara, Primark, Gap e H&M.

Lauren fez a mesma pose e se manteve à mesma distância dos espelhos dos provadores. O resultado é que o vestido deixou Lauren “mais magra” em algumas das cabines.

Estas foram as lojas visitadas onde foi experimentado o mesmo vestido a que foi atribuida uma “cotação” de 1 a 10 (em que 10 é a aparência mais magra):

  • H & M – 10/10
  • River Island –  9/10
  • Próximo –  8/10
  • M & S –  7/10
  • French Connection –  7/10
  • Gap –  7/10
  • Primark –  4/10
  • Zara –  3/10
  • Novo Look –  2/10
  • Topshop –  1/10

Conclusão: qual é a loja em que os provadores são mais “simpáticos” (e tornam as pessoas masi magras)? A H&M!

A resposta parece estar num “truque” de luz  que fez a roupa “cair bem” e seduzir a cliente. Nota-se na foto que as (2) fotos da esquerda com mais luz é mais reveladora das formas da repórter e de todos os pormenores. Já as duas da direita para “transformaram” a silhoueta da repórter fazendo com que esta parecesse bem mais magra. A luz mais “calma” mostra-se menos reveladora das formas…

O “The Sun” entrou em contato com as lojas, mas nenhuma delas se mostrou disponível para responder às questões.

Via: The Sun

Outros artigos:

Mulheres experimentam mais de 21 mil peças de roupa na vida
Mulheres têm média de 107 peças de roupa, mas dizem não ter o que vestir
Mulheres: e se quem escolhesse a vossa roupa fosse o vosso companheiro?
Pastor proibe mulheres de usarem roupa interior na sua igreja
Tags dos artigos
· ·
Categorias dos artigos
Estudos · Mundo

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.