Empresa recolhe 58.000 testes de gravidez após numero anormal de “falsos positivos”

Cerca de 58 mil testes de gravidez estão a ser recolhidos após apresentarem um número anormal de “falsos positivos”! Os testes da marca Clear & Simple (iguais ao da imagem acima) eram comercializados no Reino Unido e estavam a apresentar números anormais de “falsos positivos”. Ou seja, o teste de gravidez indicava que a mulher estava grávida quando na verdade ela não estava.

A Agência Regulatória de Produtos de Saúde do Reino Unido (MHRA) anunciou a recolha dos testes nesta quinta-feira (04/10).

O fabricante do produto é a empresa chinesa Guangzhou Wondfo Biotech e eles explicaram qual foi a falha que causou os “falsos positivos”. De acordo com o fabricante, o comprimento de uma das tiras reagentes internas dos testes estava errada, o que fazia com que no resultado aparecesse positivo, ao invés do negativo.

Agora, e sobretudo se nos lê no Reino Unido, vejam lá se fez um destes testes, ou tem algum em casa, pertencente ao modelo: DM-102, Lote: DM10220170710E com validade até janeiro de 2020. Se sim, não acredite nos seus resultados. Devolva-o à farmácia!

Estudo confirma: fazer sexo DUAS VEZES numa noite ajudará os casais a engravidar

Todos sabemos que para engravidar convém fazer sexo, embora saibamos que se engravida sem sexo. Já sem espermatozóides não é possível. Por isso, um estudo com 250 homens veio agora revelar o que poderá ajudar o casal a engravidar. Os casais devem fazer sexo duas vezes na mesma noite.

Um estudo conduzido pelo Dr. Da Li na Universidade de Shengjing contradiz o mito que diz que um homem leva entre 24 e 36 horas para “reabastecer” o seu esperma após ejacular.

No estudo, foram colhidas amostras de sémen de 250 homens (parte de 500 casais). A parte deles foi coolhido sémen apenas algumas horas após a última ejaculação, a outros algguns dias depois.

Eles descobriram que o esperma produzido de 1 a 3 horas após um homem ejacular a primeira vez tem o maior número de proteínas que aceleram o seu movimento.  Os espermatozóides “frescos” também têm níveis mais altos de proteínas que são necessários para se fundirem com um óvulo.

Além disso, descobriram no mesmo estudo, que o uso de espermatozóides produzidos não mais de 3 horas depois que um homem chegou ao clímax a primeira vez também pode aumentar as taxas de sucesso na fertilização in vitro em um terço.

Parece que está na altura de mudar mentalidades diz o Dr Li: “Durante anos, os homens foram geralmente aconselhados a limitar a atividade sexual para aumentar as chances de gravidez. No entanto, é hora de mudar as nossas mentes. Os nossos dados indicam casais com parâmetros de sémen relativamente normais devem ter sexo frequente em todo o período de ovulação. Isso pode fazer toda a diferença em seus esforços para iniciar uma família.”

Há 4 anos a tentar engravidar (sem o conseguir) casal descobre que só faziam sexo… anal!

Um homem de 26 anos e a sua companheira/esposa, de 24, estavam a tentar ser pais há cerca de quatro anos, sem sucesso, quando decidiram ir ao médico.

Na visita ao hospital, em Bijie, na China, o casal chinês descobriu que a mulher ainda era virgem. Como!? Verdade.

Depois de vários exames médicos de fertilidade, os médicos acabaram por constatar que o problema não era de saúde de  nenhum dos elementos do casal. Mas detetaram mais: a mulher ainda era virgem! O problema afinal era a forma como o casal tinha sexo.

O casal tinha até prática sexual regular mas, andaram 4 anos a fazer… sexo anal!

De acordo com o mesmo jornal, a jovem confessou que faziam sexo regularmente e que a experiência era sempre muito dolorosa para ela, tendo sempre aguentado na esperança de engravidar.

O obstetra ofereceu ao casal livros de educação sexual e indicou-lhe algumas orientações para solucionar o problema que enfrentavam. Poucos meses depois desta consulta médica o casal anunciou a gravidez.

Inglesa diz estar a tentar engravidar de… fantasma!

Homens de carne e osso não são para Amethyst Realm. A moradora de Bristol (Inglaterra) prefere levar para a cama… fantasmas!

Já há seis meses atrás por aqui tínhamos falado dela quando ela tornou público que  tinha feito sexo com 20 fantasmas e agora queria engravidar de um.

Na altura Amethyst resolveu colocar um ponto final no relacionamento de 12 anos que ela mantinha com um homem (de carne e osso) para investir em novas alternativas.

Quando pensávamos que não havia mais novidades, ou que não era possível ir mais longe, eis que, agora, Amethyst se deslocou, em passeio, à  Austrália  onde diz ter encontrado o seu Príncipe encantado. Ou melhor, o seu Fantasma encantado,  ao ponto de estar a tentar engravidar! Sim, leu bem. Engravidar!

O encontro aconteceu num passeio a uma área remota e ela sentiu uma energia incrível a vibrar no seu corpo. Enfim, os dois se acertaram, o espírito regressou com ela à Inglaterra e, como a união parece ser séria, o casal decidiu que quer engravidar. A título de piada, mas verdade, a identidade do fantasma australiano (para já 😀 )  não foi revelada.

Ela admite que tudo possa parece ser pura maluquice, mas, depois de estudar a questão com cuidado, ela está convencida de que a gravidez é viável.

Nós por aqui ficamos no Arco da Velha à espera do novo rebento! Desculpem… Fantasminha! Talvez até… brincalhão.

Entrevista ao This Morning (07/12/2017):

Indiano tem gravidez psicológica após fazer sexo… com outro homem!

indiano_gravidoUm indiano de 52 anos “desenvolveu” uma gravidez psicológica após fazer sexo com outro homem na cidade de Kozhikode. De acordo com o jornal local “Times of India”, foi necessário hospitalizá-lo devido ao problema, classificado como sem precedentes pelo médico que o atendeu.

Casado e pai de dois filhos, o indiano custou a aceitar o diagnóstico médico de que era impossível que estivesse a gerar uma criança. Ele dizia que conseguia sentir o bebé mexer.

O médico Suresh Kumar, que atendeu o paciente, afirmou nunca havia visto nada parecido. “Geralmente, vemos sintomas da gravidez psicológica em alguns pais, como enjoos, ganho de peso e insónias quando as suas parceiras ficam grávidas”, disse Kumar, que lhe receitou medicamentos antipsicóticos.

“Ele era um homossexual ativo na adolescência, o que pode ter contribuído para a sua crença. A homossexualidade, no entanto, não afetava o seu casamento.”

Via: Times Of India

Noiva engravida de ‘stripper’ anão em noite de despedida de solteira

As despedidas de solteiros (as) por vezes ficam incontroláveis. Outras transformam-se em verdadeiras despedidas de uma vida mais desregrada/promiscua. Terá sido isso que aconteceu com uma noiva espanhola.

A mulher, espanhola, que se divertia na noite de despedida de solteira acabou por ter relações sexuais com um ‘stripper’. Não será certamente caso único. O pior foi o resultado: uma gravidez! A noiva engravidou na noite de despedida de solteiro! Como se descobriu? Bem, nove meses depois, foi mãe de uma criança anã (sofre de nanismo, uma doença genética). Ora, o noivo à data da despedida de solteiro e posterior marido, não sofria desta doença genética nem era anão!

Cronologicamente, a jovem casou-se no início deste ano (2014) e pouco tempo depois anunciou a gravidez. No entanto, depois de ter dado à luz, num hospital de Valência, em Espanha, viu-se obrigada a confessar ao marido a traição com o ‘stripper’ anão. O antigo noivo e agora marido sempre acreditou até ao dia do nascimento que o filho era dele.

“Nem as suas amigas mais próximas, nem a sua família sabiam que ela tinha feito sexo com um ‘stripper'” muito menos com um “stripper anão”, de acordo com o site espanhol Las Cinco del Dia.

Via: CMJornal

Treinadora é demitida por escola nos EUA após gravidez sem estar casada

A americana  Cathy Samford, de 29 anos, treinadora de voleibol,  foi demitida por uma escola de Rockwell, no estado no Texas (EUA), porque ficou grávida sem estar casada, segundo a emissora de TV “WFAA”.

“É muito doloroso”, disse Cathy, que chegou a ganhar o título de “treinadora do ano”.

A escola alegou que Cathy, que está com 39 semanas de gestação, infringiu as regras do seu contrato ao ficar grávida.

A treinadora e seu noivo tinham planeado casar-se no verão passado, mas uma série de problemas adiou a cerimónia.

Cartaz com “Virgem” Maria a fazer teste de gravidez provoca polémica

Um cartaz publicitário que mostra a Virgem Maria a fazer um teste de gravidez, e a descobrir estar à espera de um bebé, tem vindo a causar polémica na Nova Zelândia. A publicidade poderia ser de uma marca de testes de gravidez, mas não! Podia ainda ser uma brincadeira com um símbolo religioso perto do Natal. Mas, de acordo com o site Stuff, a Auckland’s St. Matthew-in-the-City church é a responsável pelo cartaz. Bem mais, uma igreja!

Mulher descobre gravidez dois dias antes do parto

Uma americana que pesa 190 quilos descobriu que estava grávida ao ir a um hospital porque sentia dores de estômago, dois dias antes de dar à luz. April Barnum, de 39 anos, teve uma surpresa na segunda-feira, quando na sala de urgências do Centro Médico Irving, da Universidade da Califórnia, um médico lhe disse: “A senhora terá um bebé a qualquer momento”.
Dois dias depois nascia, por cesareana, Walter Edwards, que “herdou” o nome do namorado de Barnum. “Este bebé é um pequeno milagre”, disse Barnum.
Afshan Hameed, a médica que a atendeu no hospital, localizado na cidade de Orange, na Califórnia, concorda com Barnum. “Ela teve muita sorte porque é muito raro ter um resultado saudável sem ter recebido cuidados pré-natais”, disse.
A mulher explicou que não deu conta de que estava grávida devido a seu grande peso e que não sentia a criança se movimentar.

Redacção:7FM Fonte: EFE

Campanha de lingerie estimula gravidez no Japão

Uma empresa japonesa de lingeries criou peças íntimas para ilustrar o declínio da taxa de natalidade em Tóquio, Japão.
As peças mostram a importância das crianças que cuidam dos idosos que vivem no país. A campanha pretende conscializar a população japonesa sobre o risco da baixa natalidade e estimular as futuras mulheres grávidas.