Nov 10, 2013
988 Visitas

Prostitutas em Minas Gerais (Brasil) já aceitam cartões para pagamento de serviço

Publicado por

prostitutaPrimeiro, elas procuraram uma melhor capacitação frequentando aulas de idiomas. Agora, boa parte das prostitutas mineiras vão receber pelos seus serviços através de cartões de crédito e débito, novidade que segundo Cida Vieira, presidente da Associação das Prostitutas de Minas Gerais – APROSMIG, só foi possível graças a uma parceria com a Caixa Económica Federal, “o primeiro banco a reconhecer a nossa profissão, sem preconceito”, acrescenta.

De acordo com Cida, cerca de 20 mulheres já se registaram e devem ser beneficiadas pelo programa da Caixa, que é voltado para microempreendedores. Além de Cadastro Nacional de Pessoal Jurídica – CNPJ, elas terão benefícios, como cartão de crédito com anuidade gratuita por um ano, cheque especial e capital de giro. Ela recebeu o equipamento ontem (04/11). A parceria, ainda segundo a presidente da entidade, foi assinada em outubro, após a associação ter procurado o banco.

Cida revela ainda que a associação já criou até um slogan, bem significativo por sinal, para divulgar a adoção do dinheiro de plástico: “goze agora e pague depois”. Consultada sobre o assunto, a Caixa Económica Federal informou que “oferece a toda a população a oportunidade de ter acesso a serviços bancários como conta corrente, cheque especial e cartão de crédito. Os clientes do banco que possuem CNPJ podem, também, ter acesso a serviços como o recebimento de pagamentos por meio de cartões de crédito e débito”.

Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.