Pintor que pinta telas com o pénis faz sucesso em Macau

Tim Patch, que prefere ser chamado de Pricasso, usa a “genitália” para executar retratos em tinta acrílica. Ele leva em média dez minutos para pintar cada tela.

Recentemente foi atração em Macau (China), onde integrado na feira erótica de  Macau  “pintou” retratos de alguns visitantes.

Conhecido como Pricasso, o australiano não usa só o pénis para marcar de forma ousada o seu nome na história da arte. Mas o pénis não é a única parte do corpo que usa, ele ainda dá alguns retoques nas obras usando… as nádegas!
Depois de Macau “pricasso” segue para a feira de sexo de Durban na África do Sul (de 25 a 28 de agosto). Mas pode ver o calendário completo no seu site bem com vídeos e imagens demonstrativos da sua arte aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.