Pão com barata dá indemnização no Brasil

Escrito por
Uma rede de supermercados de Pelotas, no Rio Grande do Sul (Brasil), foi condenada pelo Tribunal de Justiça do Estado a indemnizar um cliente que encontrou uma barata num pão vendido pela padaria do estabelecimento. Os membros da 9ª Câmara Cível do TJ estabeleceram uma indemnização de 20 salários mínimos, vigentes à época dos factos, o equivalente a R$ 3 mil(cerca de 1078?), por danos morais gerados por acidente de consumo.
Há seis anos, o cliente comprou no supermercado 15 pãezinhos e, enquanto bebia café, o seu filho encontrou uma barata no miolo do pão. O cliente apresentou queixa à polícia e tirou fotografias, além de apresentar queixa na Secretaria de Saúde e Bem Estar da Prefeitura de Pelotas.
A rede de supermercados alegou que não foi comprovada a compra do alimento na sua padaria e que não estava demonstrada a culpa nos factos, nem que o local onde são fabricados os pães não estivesse em condições adequadas de higiene.
O alimento com o insecto incrustado foi submetido a análises no Departamento de Ação Sanitária do município, que detectou ser uma barata comum em restaurantes e padarias. Também foram encontradas várias baratas “vivas e de todas as idades”, segundo uma vistoria feita por um médico veterinário.
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *