Polícia atrapalha-se com ladrão, bilhetes e Mundial

A polícia de Munique comunicou, no domingo, que um “audacioso ladrão” roubou a bolsa a uma mulher, encontrou dentro dela um bilhete e foi assistir ao jogo Brasil e Austrália. O curioso da notícia é que o ladrão ao ir assistir ao jogo sentou-se precisamente ao lado do marido da mulher cuja bolsa havia roubado. E ele, o marido, chamou a polícia.
Até aqui a notícia é engraçada? Só que mais tarde, um porta-voz da polícia alemã veio dizer que o comunicado tinha misturado dois casos diferentes. Um deles realmente tinha envolvido uma mulher brasileira a quem roubaram a bolsa e os bilhetes. Mas, segundo o porta-voz, o engraçado “encontro” entre o ladrão e o marido nunca aconteceu. “Foi um engano… no curso das investigações percebemos que tínhamos misturados coisas que não pertenciam ao mesmo caso”, explicou.

Apanhado a mais de 200 km/h alega problemas no acelerador

Um inglês de Nottingham, conduzia o seu carro a mais de 200 km/h numa estrada inglesa disse à polícia que não podia ir mais devagar porque o acelerador estava avariado. Mesmo assim, Kevin Nicolle foi preso.
O motivo da prisão: a polícia, ao examinar o carro depois do acidente, descobriu que não havia nenhum problema com o acelerador do veículo. Kenvin Nicolle, o condutor, já havia sido ilibado em situações anteriores com a mesma desculpa.
Nicolle, desta vez, escapou ileso depois de bater com o carro que conduzia há mais de 8 anos.
Acelerador avariado?pois?.

Autarca proíbe bordéis perto de cemitérios

O presidente da câmara da cidade australiana de Ipswich, no Estado de Queensland, Paul Pisasale, quer proibir que sejam construídos bordéis num raio de 60 metros dos cemitérios da cidade.
A ideia faz parte de um movimento apoiado por uma associação local. A prostituição é considerada legal na Austrália em determinados locais.
“Há muitas famílias que visitam os cemitérios e a última coisa que elas querem ver é um bordel na esquina”, afirmou o autarca à rádio australiana Australian Broadcasting Corp..
“Não é apropriado. Há lugares especiais para bordéis e outros para cemitérios e não acredito que essas duas coisas possam misturar-se “, completou.

Despedida por ser sexy

Uma apresentadora de rádio alemã foi despedida por usar roupas demasiado sexy, noticia o site «Ananova».
A DJ de 25 anos, conhecida por Lady Ray, vai agora processar a rádio Bremen.
«O meu patrão disse que as minhas saias são demasiado curtas e os meus tops demasiado pequenos».
«Mas eu não compreendo. Os ouvintes não me podem ver e os meus seios não falam ao microfone», refere.
A jovem alega que foi despedida sem justa causa.
Aqueles óculos devem ser para disfarçar…

A Policía de Tenerife “deteve” uma cabra!

A Polícia local de Santa Cruz de Tenerife, em Espanha, mandou parar na tarde de Quarta-feira um ciclomotor onde viajavam 3 ocupantes, um deles veio a verificar-se era uma cabra!
Os factos ocorreram na Avenida de Anaga. Ao abordarem os viajantes, comprovaram que eram três sendo que o do meio, que viajava com capacete, era uma cabra!

Por esse motivo, foi-lhes solicitada a documentação do veículo para formalizar a denúncia por infracção grave ao Código da Estrada. Documentação verificada e os viajantes não tinham documentos do veículo, carta de condução nem seguro obrigatório. O veículo foi então apreendido.

Então e a cabra!?

Enganou-se no quarto e…sexo com mulher errada

Um australiano que alega ter tido relações sexuais «com a mulher errada» depois de entrar num quarto escuro na casa da editora de uma revista de Sydney foi acusado de violação, noticia o Daily Telegraph.
Paul John Chappell, de 31 anos, foi convidado pela editora a ir até casa dela depois de se terem encontrado numa saída nocturna. O par foi para a cama e Chappell levantou-se depois para ir até à casa de banho. Mas no regresso ao quarto, Paul alega que se enganou na porta e entrou no quarto onde a companheira de casa da editora, de 23 anos, dormia.
Entrou para a cama e iniciou o acto sexual, alegadamente acreditando que estava com a outra mulher. A companheira de casa colaborou porque pensava que era o namorado que tinha ido para a cama, após ter adormecido no sofá.
Só quando acendeu a luz é que se apercebeu que era Chappell que lá estava e não o namorado, que continuava a dormir no sofá.
A rapariga acusa-o agora de violação. Chappell garante estar inocente e o argumento a utilizar pela defesa é que «tudo não passou de um engano. Ele cometeu um erro. Entrou no quarto errado e teve relações sexuais com a pessoa errada».

Homem “mal-cheiroso” é expulso de voo no Havai

Um alemão está a processar uma companhia aérea depois de ter sido expulso do voo por estar a cheirar mal. Werner Brechtfeld, 46 anos, entrou com um processo em Tribunal por danos morais.
O homem, que tinha passado o dia a visitar o Havai, durante a viagem, foi convidado a sair do avião em Honolulu quando a pessoa que ía sentada ao seu lado reclamou do mau cheiro. O vizinho/passageiro do voo contou aos comissários que Brechtfeld “cheirava muito mal”.
Um porta-voz do tribunal de Duesseldorf, na Alemanha, onde o homem entrou com o processo judicial, disse que o alemão foi convidado a trocar de camisa, mas a sua bagagem já estava no porão do avião.
Brechtfeld pede cerca de 1750 ? de indemnização por danos morais e por ter perdido seu voo e teve que esperar pela ligação seguinte para Dusseldorf, via Los Angeles.
Se vai voar perfume-se em terra?

Por erro do hospital velaram cadáver errado

A situação ocorreu no Peru. A confusão instalou-se depois dos familiares decidirem abrir a urna para que fosse feita uma última homenagem à falecida. Após a abertura a pergunta ficou no ar: Quem é esta senhora!?
Este escândalo obrigou as autoridades do Ministério da Saúde peruano a pedir desculpas em comunicado. Segundo as mesmas autoridades este erro deveu-se à falta de rigor do serviço mortuário que trocou os cadáveres de duas senhoras de 63 e 73 anos.
Nem depois de morrer se pode ficar sossegada…

A contas com a Justiça por lamber pés a jovens

Um americano de 43 anos, foi acusado de se ter feito passar por um empregado de uma empresa de produtos cosméticos à procura de pés bonitos para um anúncio publicitário, com a finalidade de descalçar os jovens e lamber-lhe os dedos.

Ele prometia cerca de 1175 ? e convencia as vítimas que se lhe mostrassem os pés poderiam participar da gravação de um anúncio publicitário.
Está em prisão preventiva e pode apanhar de 15 a 40 anos de prisão!

90.000 dólares no congelador

O FBI encontrou 90.000 dólares no congelador da casa de um congressista.
Este congressista, dos Democratas, está a ser investigado por corrupção e negócios dúbios em África (Nigéria e Ghana). O FBI encontrou os 90.000 dólares no congelador embrulhados em papel de alumínio, depois de ter gravado um video onde lhe eram entregues 100.000 dólares, supostamente para facilitar os tais negócios nos países africanos.
Às vezes fala-se em congelar salários, taxas de juros e depois dá nisto!

Perdeu 116 pontos da sua carta de condução numa noite

Um homem de 20 anos de Bolzano (no norte da Itália) bateu o record de infracções graves nas estradas do seu país. Assim e numa noite apenas perdeu 116 pontos da sua carta de condução (que no máximo comporta 20 pontos!)!
O jovem cometeu 11 infracções graves, sem contar as leves, por exemplo, ao negar-se a parar a mando da polícia, por excesso de velocidade, ao passar semaforos vermelhos, etc…

Os pontos perdidos podem recuperar-se se não cometer nenhuma infracção nos três anos seguintes e frequentando cursos de condução.
Pelos vistos este condutor tem muito trabalho pela frente?

Uma rádio inglesa proíbe as canções de James Blunt

“Necessitamos de uma pausa”, explicou Chris Cotton, programador da rádio local inglesa Essex FM, que disse sentir-se orgulhoso de «resistir à pressão» da indústria musical. James Blunt, ex oficial do exército britânico, teve um êxito planetário com o seu disco ‘Back to Bedlam’, vendendo sete milhões de exemplares, sobretudo graças a ‘Youre Beautiful’, primeira canção inglesa número um nos Estados Unidos em nove anos, feito conseguido no passado mês de Março.

Política finlandesa promete tatuar bandeira no traseiro…

A Secretária Geral do Partido Social-democrata finlandês, Maarit Feldt-Ranta, comprometeu-se a tatuar a bandeira alemã no seu traseiro se a selecção alemã ganhar o Mundial. Segundo ela: ?Os grandes espectáculos desportivos despertam as grandes paixões. Eu sou uma grande aficionada do futebol e do basquetebol. Não sou do tipo de pessoa que faz qualquer coisa, também podia ter dito que me despiria, por exemplo, mas manterei a minha promessa de me tatuar.?
O curioso é que a Finlândia não se apurou para o Mundial, daí a escolha da Alemanha?

Brasileiro de 68 anos corre 29 km de marcha atrás todos os dias

Um brasileiro de 68 anos, faz história no meio desportivo de Joaçaba, na zona de Santa Catarina. Motorista de ambulância reformado, Ary Brasil tem a paixão por correr… de marcha atrás.

Desde os 16 anos ele é adepto do desporto e há 13 decidiu inovar na prática. Com cinco filhos, oito netos e três bisnetos, o reformado não falha um dia de actividade. Chega a fazer 29 Km diariamente. A média é 6,5 Km por hora. A mulher do «atleta», Dalva Brasil, fala da angustia quando o marido sai para realizar a actividade. “Ele gosta, mas eu quase morro de preocupação, não vejo a hora de ele voltar. Já brigamos, discutimos, mas ele não pára, não adianta”, afirma.

Relembrando dos primeiros dias que começou a correr de marcha atrás, ele recorda várias histórias. “O que mais eu ouvia por onde passava era o seguinte: ‘ô seu velho vai dormir, está ficando louco’. Hoje, os mesmos que riam me aplaudem quando eu passo correndo”, fala, cheio de orgulho.