Ago 28, 2018
288 Visitas

Autoridades colombianas “proíbem” sexo durante onda de calor

Publicado por

Os moradores de uma cidade da costa colombiana foram “obrigados” a deixar de fazer sexo para garantir que ficassem frios durante uma escaldante onda de calor onde as temperaturas rondaram os 40 graus.

A medida anunciada por Julio Salas – o Secretário de Saúde de Santa Marta – foi recebida com alguns sorrisos amarelos e descrença quando publicou o novo conselho, que ele publicou junto com outras dicas, como usar roupas largas e beber muita água.

De acordo com o site nacional de notícias El Heraldo, Salas disse que evitar o sexo era lógico – da mesma forma que as pessoas não participariam em exercícios físicos extenuantes com aquele calor extremo.

Salas disse que se as pessoas acharem que é muito difícil abster-se do sexo, então eles deveriam pelo menos esperar até que o sol se ponha, “é melhor fazê-lo à noite quando a temperatura ambiente é menor”.

A American Heart Association considera o sexo uma “atividade física moderada”, o que significa que o esforço é tão grande quanto subir dois lances de escada.

Mas nem tudo está perdido. Salas acrescentou que: “Se tiver um bom ar condicionado, não há problema”.

Tags dos artigos
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.