Fev 22, 2018
257 Visitas

Mulher é a sua própria gémea

Publicado por

Taylor Muhl é a sua própria gémea. Isso mesmo. Parece esquisito? Sim parece. Mas saiba a história.

Tudo remonta ao inicio da gravidez da mãe de Taylor Muhl quando, sem ela saber, tinha dois ovos fertilizados no seu útero. Mas, em algum momento da gravidez, os dois fundiram-se, criando um feto com dois códigos genéticos completos, ou seja, duas vertentes completamente separadas de DNA. Essa é a definição de quimerismo. E esse é o caso de Tayloy Muhl.

Muhl tem dois sistemas imunológicos – o dela e o da sua irmã (“gémea”). O seu está constantemente a tentar-se livrar do sistema “estrangeiro”. Mas, claro, não pode. O resultado? Problemas autoimunes e surtos, bem como uma variedade de alergias. Muhl também tem dois fluxos de sangue e uma linha no centro do estômago, um lado da linha mais escuro do que o outro. O tom de pele mais escuro é o da sua “irmã gémea”.

Foto: Jim Jordan

Só recentemetente contou a sua história. Até porque só recentemente descobriu finalmente de que padecia “Durante mais de metade da minha vida eu nem sabia que tinha quimerismo. Disseram-me que eu tinha uma marca de nascença”.

Mas havia outros sinais também, como a “obsessão” de Muhl por ter uma gémea. “Aos seis ou sete anos de idade, eu perguntava à minha mãe a toda hora se eu era gémea. “Você tem certeza de que não teve outro bebé?” 

Quando Muhl estava no início da adolescência, ela começou a ficar doente muitas vezes e ninguém conseguia descobrir o porquê. Médicos após médicos tinham sempre a mesma resposta, “Nós simplesmente não sabemos.” “Eu comecei a ter problemas autoimunes. Sou muito sensível às comidas e aos medicamentos. Sou alérgica a picadas de insetos num lado do meu corpo, mas não no outro. O meu piercing no umbigo fica no lado da gémea e posso usar joias nele. Mas do meu lado, só posso usar ouro branco porque minha pele é muito sensível”.

Muitos anos depois, após extensivos testes, um médico finalmente descobriu: Muhl possui a rara condição de quimerismo. O quimerismo é raro em seres humanos, há registo de apenas 40 casos.

Tags dos artigos
· ·
Categorias dos artigos
Fora de Série · Insólito · Mundo

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.