Out 15, 2010
893 Visitas

Juiz espanhol concede a casal guarda compartilhada de cão

Publicado por

Um juiz de Badajoz decidiu estabelecer um regime de custódia partilhada para ‘Laude’, um cão rafeiro com cerca de dez anos que foi acolhido em 2001 por um casal espanhol que se divorciou entretanto. A sentença determina que o animal de estimação deverá ficar seis meses com cada um deles, sendo a dona a primeira a recebê-lo.

Paqui Barrios e o ex-marido encontraram o cão na rua em 2001 e, depois de o levarem ao veterinário, ficaram a saber que tinha apenas seis meses. Quando se separaram, em 2005, aceitaram acolhê-lo nas respectivas casas durante curtos períodos e a rotatividade funcionou até Maio de 2009, quando o ex-marido decidiu que não iria entregar ‘Laude’.

“Isso trouxe-me muita mágoa mas durante mais de um ano tentei encontrar uma solução pacífica. Mas ele só queria atingir-me e a única alternativa foi recorrer à justiça”, disse Paqui Barrios ao site espanhol 20 Minutos.

A espanhola acredita, porém, que o ex-marido – condenado a pagar as custas do processo – acabará por recorrer: “Só me quer perturbar.” A sentença foi conhecida a 27 de Setembro mas neste momento ‘Laude’ continua longe da dona.

Via: Correio da Manhã

Tags dos artigos
· ·
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.