Mai 30, 2016
498 Visitas

Homens passam várias horas do dia a viver como cachorros

Publicado por

cachorrosO comportamento é conhecido mundo a fora como pup play (brincar como cachorro) e está em franco crescimento na comunidade sadomaso (BDSM).

Nele, humanos vestem-se como cachorros e vivem como cachorros durante várias horas do dia. Assim, costumam ter brinquedos caninos, gostam de receber carinho na barriga, comem em tigelas e assumem um relacionamento com os seus “donos” humanos.

A história de alguns adeptos da prática foi contada num documentário do Channel 4 chamado “Secret Life of the Human Pups” (A vida secreta do cachorros humanos).

Um dos personagens é Tom, mais conhecido pelo seu nome canino, Spot. Ele costuma participar numa curiosa competição, o Mr Puppy Europe, que ocorre em Antuérpia (Bélgica) e que elege o melhor homem-cão. No documentário, Spot, Bootbrush, Hexyc e Tibo, alcunhas caninas de outros adeptos do pup play, mostram o seu dia a dia sobre quatro patas: fazem xixi em postes, latem, fazem festa para ganhar guloseimas e até agitam os rabos mecânicos acoplados à roupa de látex.

Spot, Hexyc e Tibo a vive como cachorros | Divulgação/Channel 4

Spot, Hexyc e Tibo a vive como cachorros | Divulgação/Channel 4

Tom descobriu o pup play gradualmente. Ele já gostava de dormir com uma coleira e tinha fetiche com roupas de lycra e vinil. Foi-se empolgando e então surgiu a sua identidade canina, que seguiu o padrão de um dálmata.

O escritor David contou que a prática sadomaso, na qual assume a identidade de Bootbrush, é uma escapada do mundo como nós conhecemos.

“É totalmente não verbal. É pré-racional, pré-consciente”, disse ele.

Via: PageNotFound

Tags dos artigos
·
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.