Fev 25, 2009
711 Visitas

Homem estrangula esposa após ela dizer nome de outro durante o acto

Publicado por

sexo-nome-erradoUm inglês de 53 anos assassinou a esposa durante o acto sexual. Perguntarão: mas porquê? Pois, a agora falecida, na altura bem vivinha, chamou-lhe “Paul” em pleno acto sexual mas ele chamava-se… Colin!

De acordo com a versão de Colin Scully apresentada em tribunal, Tracey, de 39 anos, chamou-o de “Paul” quando os dois se estavam a mar. Resultado: Tracey acabou estrangulada na cama. O caso aconteceu na pequena e pacata Bridlington (Inglaterra)

Colin contou que suspeitava que Tracey estivesse a ter um caso extraconjugal e afirmou que a esposa enviava mensagens bem picantes por telemóvel.

O assassino revelou que “Paul” é Paul Deighton, um homem que o casal conheceu em um clube de patinagem.

Ao juiz, Colin comentou ter ficado “fora de si” ao ouvir o nome do outro na cama.

De acordo com um patologista, Tracey pode ter levado um “tempo considerável” para morrer. A mulher sofria de esclerose múltipla.

Depois de matar Tracey, Colin foi dormir no quarto dos filhos do casal. No dia seguinte entregou-se à polícia.

Fonte: dailymail.co.uk

Tags dos artigos
·
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.