Homem é assassinado em cinema por comer pipocas ‘muito alto’

Escrito por

Um homem de 42 anos foi morto a tiro num cinema de Riga (Letónia), durante a exibição do filme “Cisne Negro”. E porquê? Bem, supostamente por fazer muito barulho a comer pipocas,  segundo relato de testemunhas. A polícia prendeu um suspeito de ser o autor dos disparos – um espectador de 27 anos, segundo o “Telegraph”.

O homicidio aconteceu na parte final pois na tela passavam já os créditos do filme. Cisne Negro é um thriller psicológico que mostra um dançarina de balet que perde o controlo por causa da pressão sobre a sua performance no palco.

Crimes com arma de fogo não são comuns no país báltico de 2,2 milhões de habitantes.

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *