Jun 5, 2009
667 Visitas

Crise económica leva a aumento das vasectomias nos EUA

Publicado por

vasectomiaA procura de vasectomias está a crescer em terras do Tio Sam. O aumento do número de cirurgias acompanha o agravar da crise. A partir de novembro, a procura ultrapassou qualquer expectativa. Em Nova York, que está no olho do furacão financeiro, a procura pelo método cresceu 47%  num ano. Segundo um urologista que consulta muitos executivos de Wall Street, estes números não são vistos há 30 anos. Noutra região do país, a Cleveland Clinic registou um crescimento de 50% no número de homens que procuram um método mais simples e definitivo de evitar filhos.

A relação temporal como agravar da crise financeira fica evidente quando notamos que a procura aumenta a partir de novembro, coincidindo com a piora dos números da economia. Um site especializado em agendar vasectomias registou um aumento inédito no numero de consultas com urologistas em janeiro de 2009.

A razão é claramente declarada nas consultas, os pacientes estão com medo de perder os seus empregos, e mais filhos trazem novos compromissos financeiros. Manter um filho numa escola privada nas grandes cidades custa dezenas de milhares de dólares por ano.

A vasectomia é uma cirurgia tecnicamente simples, na qual os urologistas cortam os canais que levam os espermatozóides dos testículos para serem misturados ao sémen. A cirurgia não traz mudança alguma na função sexual masculina e também não impede a ejaculação ou o funcionamento normal do sistema urinário.
Fenómeno semelhante aconteceu na crise dos anos 1930 e novamente nos anos 1970. Nesses períodos os registos mostram a diminuição da taxa de nascimentos em tempos de crise.

Fonte: G1

Tags dos artigos
· ·
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.