‘Contato’ tecnológico com os mortos populariza-se nos EUA

qr codeFazer “contato” com mortos sem recorrer a poderes sobrenqturais é possível. Graças à tecnologia do QR code, um visitante de cemitério pode usar o seu smartphone para ler o código e ter acesso a um site com informações sobre o falecido. Esse site pode ser atualizado pelos parentes. O uso de QR code em túmulos começou na Europa e agora está a popularizar-se nos EUA, sendo já utilizado em alguns estados, como Washington e Pensilvânia.

Na Pensilvânia, o serviço é oferecido pela empresa Digital Legacys. Custa por ano US$ 99 (cerca de €) e inclui um QR code e um site.

Inventado em 1994 por uma subsidiária da Toyota, o QR code é um dos mais populares tipos de código de barras bidimensionais. Ele foi projetado para permitir que conteúdos sejam decodificados em alta velocidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.