Califórnia vende haxixe em máquinas automáticas

Escrito por

cannabis.jpgDesde ontem, segunda-feira, os moradores da Califórnia autorizados a consumir cannabis por razões médicas poderão comprar a erva em máquinas de venda automática, semelhantes às máquinas que vendem tabaco, refrigerantes, chocolates.

Para accionar as máquinas, os utilizadores precisarão de um cartão especial, adquirido mediante apresentação de receita médica e do registo de impressões digitais.

O cartão de crédito pré-pago que vai conter as informações sobre a dosagem e o tipo da droga receitada.

Com o cartão, os pacientes poderão usar as máquinas a qualquer hora.

Por enquanto, há apenas duas máquinas do tipo em funcionamento. A ideia do fabricante, o Herbal Nutrition Centre, é permitir que o paciente possa comprar suprimentos extras da droga sempre que necessário.

O uso das máquinas será monitorizado por um segurança. O utilizador terá que passar o cartão e ter as suas impressões digitais verificadas, para ter acesso à droga.

Uma câmara também fotografa os pacientes no momento da compra, para provar que eles não estão a “emprestar” o cartão a terceiros.

O uso de cannabis para fins medicinais foi aprovado em 1996 na Califórnia, o primeiro Estado americano a aprovar por lei o uso terapêutico da erva.

Os pacientes receitados com cannabis podem, inclusive, plantar a erva para consumo próprio. 

Outros dez Estados americanos aprovaram a mesma legislação, mas ela é bastante polémica.

O governo federal não aprova o uso da droga para fins medicinais.

Entre as doenças que qualificam um paciente para o uso da erva estão a SIDA, anorexia, artrite, cancro, glaucoma e enxaqueca, entre outros.

O governo permite que cada paciente tenha em casa seis plantas adultas, ou 12 mudas, ou 226.8 gramas de cannabis.

Até meados de Janeiro, já haviam sido emitidos 18.847 cartões de identificação para pacientes autorizados a usar cannabis para fins terapêuticos, segundo o governo da Califórnia.

Fonte: BBC Brasil

Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *