Americano acusado de homicídio safa-se de condenação por causa do tamanho do pénis

Tudo aconteceu há 3 anos (outubro de 2015) quando Richard Henry Patterson de 65 anos e Francisca Marquinez, de 60 anos, namoravam naquela altura há 4 meses e Francisca Marquinez foi encontrada morta na sua casa em Margate (Flórida – EUA).

A polícia encontrou o corpo já em decomposição após Patterson ter ligado para o seu advogado, Padowtiz, que o instruiu a chamar a polícia para o apartamento da sua namorada. Patterson foi preso uma semana depois acusado de homicídio em segundo grau.

Mas o homem alega que não a matou. E tem um motivo para explicar a sua morte: o tamanho “exagerado” do seu pénis! Patterson alega que ela morreu depois de acidentalmente se engasgar “com a sua masculinidade” durante um ato de sexo oral consentido.

A autópsia confirmou que Marquinez morreu de facto de asfixia embora levantasse dúvidas que fosse causada pelo tamanho exagerado do pénis do homem. Até porque tal situação (impossibilidade de respirar), se deveria manter por 2 ou 3 minutos, de forma a causar o desfecho fatal. Ainda assim, não foram também detetados sinais de luta e outros especialistas alegaram que a asfixia por causada pelo exagerado do tamanho do pénis também era plausível.  

Durante o julgamento,  advogado de Patterson pediu ao juiz para permitir que o júri visse o tamanho do pénis do seu cliente, mas o juiz recusou. Além disso discutiu-se, na eventualidade de o mostrar, se o pénis devia estar flácido ou ereto…

Julgado o caso, incluindo o testemunho de um especialista sobre o assunto, o júri determinou que a morte foi um acidente e Patterson foi considerado inocente.

O “homem que mordeu o cão”, existe mesmo e foi condenado a 4 anos de prisão

Chama-se Patrick Shurod Campbell, tem 27 anos, é americano, e pode ser considerado  o verdadeiro “homem que mordeu o cão”! Não , não é um mito.

Patrick admite ter mordido o seu Husky chamado Dmitri, de 2 anos, “na orelha com muita força para estabelecer o domínio” sobre ele e socá-lo no rosto em maio passado.

Os policias encontraram o cachorro num armário bloqueado por um sofá no quarto de Campbell e uma substância que parecia sangue na carpete e no braço do sofá. O animal estava a tremer e tinha uma orelha ensanguentada, segundo a polícia.

O colega de quarto de Campbell disse à polícia que o viu a bater no cão em várias ocasiões, deixando o animal “de costas, com as patas para cima e a chorar”.

Patrick declarou-se culpado de uma acusação de crueldade contra animais e foi condenado a quatro anos de liberdade condicional por um juiz de Palm Beach, Flórida. Foi ainda condenado a passar por uma avaliação psicológica e foi impedido de possuir animais de qualquer espécie ‘ou’ viver com qualquer pessoa que tenha animais. Acrescem ainda 300 horas de serviço comunitário.

Questionado sobre como o cão Dimitri foi ferido, Campbell respondeu: “Eu mordi-o para estabelecer o domínio”, de acordo com um relatório da polícia.

Campbell então disse à polícia que ele tentou disciplinar o cão depois que o animal “destruiu vários itens dentro do apartamento”.

O auto da polícia

Hitler e Lenin disputam eleições autárquicas no Peru

A pequena cidade de Yungar (Peru) vai ter uma eleição “histórica” no dia 7 de outubro. Hitler e Lenin vão disputar os 3 mil votos dos eleitores na pacata cidade dos andes.

Hitler Alba Sánchez, do partido democrata-cristão Somos Perú, está a tentar um segundo mandato, já que foi autarca entre 2011 e 2014. Apesar de ser de direita, garante que o nome não o faz defender qualquer ideologia nazista. O nome ele mantém-o “em respeito aos pais”.

“Sempre fiz o bem e o povo sabe disso. Sou o Hitler bom”, afirmou ele à rádio Programas de Perú.

Do outro lado, estará um “sósia” do líder da Revolução Russa. Lenin Vladimir Rodríguez Valverde faz ferrenha oposição a Hitler.

Para Hitler, Lenin, que não tem qualquer histórico político, é apenas um camponês que está a ser usado pela oposição de esquerda só por causa do nome e do embate que ele gera.

Não é invulgar no Peru e noutras nações latino-americanas que pais, atraídos pelo “exótico” e pelo fascínio com nomes estrangeiros, deem aos filhos nomes de personalidades históricas. No Brasil, por exemplo, havia em 2010 (data do último censo) 188 pessoas chamadas Hitler.

Morreu o “Zézé Camarinha” de Itália. 6000 mulheres depois, sucubiu, aos 63 anos, a fazer sexo com turista de 23!

Era conhecido por Romeu di Rimini, em referência à província italiana em que nascera e fizera fama. Maurizio Zanfanti era conhecido como o maior playboy italiano, gabando-se de já ter levado para a cama mais de 6 mil mulheres. História parecida com o “nosso” Zézé Camarinha, com a vantagem de que Zézé ainda é vivo! 

E a morte veio… na cama. Zanfanti morreu aos 63 anos a fazer sexo com uma turista, originária do Leste Europeu, de 23 anos. Ele teve um ataque cardíaco fulminante. Em pânico, a mulher,  ligou para uma amiga, que chamou uma ambulância. Porém os paramédicos já nada puderam fazer.

O italiano dizia que, em apenas um verão, teve sexo com 207 mulheres diferentes.

Nos jornais italianos, Zanfanti foi recordado como um “mito” e um “símbolo da Riviera”. Uma publicação chegou a dizer que o playboy “morreu como queria”.

Zanfanti começou a fama a ser promoter (traduação livre “promotor”) de discotecas e bares nos anos 1970. Ele era encarregado de recrutar – especialmente nas praias – mulheres bonitas e sensuais para entrarem de graça nas casas noturnas e com isso atrair mais clientes.

Em 2014, Zanfanti chegou a dizer em entrevista que, aos 59 anos, estava a reformar-se vida de playboy.

Afinal parece que não se tinha reformado. Ter-lhe-á sido fatal!

Gucci vende fato de banho por 320€ com o qual não se pode tomar banho

Qual é a primeira coisa que lhe vem à cabeça quando veste um fato de banho!? Tomar banho… Acontece que se comprar o Gucci Logo Swimsuit, um fato de banho criado pela marca italiana e à venda por 320€, não o pode fazer!

O fato de banho de gama alta apresenta o icónico logotipo da Gucci em todo o busto, alças cruzadas e tem um ar vintage e que certamentedá vontade de dar um mergulho na piscina. O problema é que, como é feito de 80% de náilon (nylon) e 20% de elastano, dois materiais que não combinam com o cloro, não pode usar este fato de banho em nenhum local que tenha cloro!

As pessoas são apanhadas de surpresa qaundo compram esta peça? Não. A Gucci é sincera ao dizer nas especificações do produto:

“Devido à natureza deste tecido em particular, este fato de banho não deve entrar em contato com o cloro”

As criticas não se fizeram esperar. como assim um fato de banho com om qual não se pode tomar banho!? Há já lojas a recomendar que a peça seja usada como “body” e não como fato de banho. 

Costuma dizer-se quem ri por último ri melhor, e não é que o fato de banho com o qual não se pode tomar banho está esgotado em praticamente todos os locais de venda!

Condenado à morte vai casar-se com funcionária de uma… funerária!

Um condenado à morte que sobreviveu à execução em setembro de 2015 vai casar-se com funcionária de… uma casa funerária!

Richard Glossip, de 54 anos, vai trocar alianças com Leigha Jurasik, de 21, numa cerimónia a ser realizada na penitenciária de Oklahoma (EUA) onde ele cumpre a sentença.

Os noivos, que sempre estiveram separados pelas barras de ferro da cela e pelos vidros da sala de visitas, terão 30 minutos de lua de mel, com contato físico.

Condenado por homicídio, Richard foi submetido a injeção letal há três anos. Porém um erro na formulação quimica da substância aplicada fez com que ele sobrevivesse. O americano alega ser inocente. Leigha é a líder da campanha que luta pela absolvição do condenado, que tem como apoiantes o Papa Francisco, a atriz Susan Sarandon e o empresário Richard Branson.

Agora, o condenado pode ser o primeiro americano a ser executado com nitrogénio.

“Quando ama alguém, ama alguém. O facto de a família ser contra não o incomoda. Ele é inocente e não deveria estar preso. Isso nunca foi um obstáculo ao nosso relacionamento”, disse Leigha, segundo reportagem do “Mirror”.

O americano foi condenado à pena capital pela morte, em 1997, de Barry Van Treese, dono de um motel em Oklahoma City no qual Richar trabalhava como gerente.

Facebook proíbe candidato a eleições chamado Luc Anus por causa do nome “inapropriado”

Luc Anus, um belga de 26 anos, foi forçado a mudar a sua presença no Facebook após a sua página de campanha ter sido “banida” pela rede social. 

Luc Anus, decidiu candidatar-se a umas eleições em Lobbes, na região da Valónia, na Bélgica. Tudo estava a correr bem até que teve a sua página de campanha no Facebook onde partilhava as suas ideias de campanha encerrada! O seu apelido parece violar as regras/regulamentos do Facebook.

Mas não é só no Facebook que o Sr. Anus, tem problemas. No seu dia a dia, o candidato do Partido Socialista muitas vezes é vitima de piadas quando se trata do seu apelido bastante invulgar.

Quando alguém colocou  uma cópia do cartaz eleitoral de Anus nas redes sociais, ele tornou-se um sucesso viral e o alvo de muitas piadas na Bélgica.

Cartaz de campanha de Luc Anus

Outros eleitores pediram ao Anus para mudar o seu nome de família para algo mais… apropriado.

Anus disse que não se incomoda com todas as piadas e comentários negativos sobre o seu nome, acrescentando: “Eu posso lidar com isso”.

Para contornar as regras do Facebook, que baniu a sua página, Anus alterou o seu nome para ‘Luc Anu’. 

Nem todos concordam com a medida do Facebook. De acordo com os dados mais recentes do registo civil belga, há 49 pessoas com Anus como apelido e todas moram na região de fala francês da Valónia.

Vocalista de banda norte-americana de Heavy Metal faz cover da música de Toy

Matt Heafy, com 71 mil seguidores nas redes sociais,  cantou e tocou e em português. Depois, partilhou na sua conta de YouTube o vídeo

A mais recente música de Toy tem feito parte do alinhamento de várias rádios e a letra da canção foi facilmente decorada pela grande maioria das pessoas que já a ouviu. Mas o sucesso não acaba aqui e já chegou aos EUA, pela voz de um cantor de, imagine-se, Heavy Metal.


Matt Heafy a a cantar e a tocar a versão totalmente Heavy Metal…

Matt Heafy a cantar  (versão acústica)
“Coração Não Tem Idade (Vou Beijar)” de TOY

Matt Heafy, também guitarrista, é o vocalista da banca norte-americana Trivium. Além da música, ocupa o tempo a jogar online e foi num desses momentos de jogo que Matt foi desafiado a cantar o tema “Coração Não Tem Idade (Vou Beijar)” de António Ferrão, conhecido por Toy.

Esta segunda-feira, em Livestream numa plataforma de gaming, onde os vários jogadores conversam e partilham dicas, o português MoraisHD pediu ao cantor que fizesse uma cover do tema.

O tema original de Toy já ultrapassou os 8 milhões de visualizações, precisamente entre hoje e ontem!!! Se ontem faltavam 2000 visualizações de atingir 8 milhões, hoje já vai nos 8.075.000!

Nota Redação: Para quem for da zona Centro, Toy estrará em Alvaiázere no dia 7 de outubro para um concerto! 😉

Via: TVI24

Lápide de russa morta aos 25 anos reproduz iPhone

Os vistantes de um cemitéio em Ufa, na Rússia, estão a ficar surpreendidos com a lápide de um túmulo de uma jovem que morreu aos 25 anos. Ela (a lápide, claro está) simplesmente reproduz um iPhone, em tamanho gigante, com a imagem da falecida no protetor de ecrã.

Rita Shameeva morreu em 2016, de causa descohecida, de acordo com reportagem da emissora UFA1. A lápide, feita de basalto, tem 1,5 metro de altura. A lápide temainda outro pormenor “delicioso”. um QR Code que nos remete para o seu Memorial…. Curiosos? A imagem está abaixo mas a ligação está aqui.

O pai de Rita não se quis alongar sobre a insólita escolha para lápide. Uma coisa é certa, a jovem era inseparável do seu smartphone dizem os amigos.

“Pensei que estivesse a ter uma alucinação. Cheguei perto e fiquei surpreso”, disse um homem que estava a visitar o cemitério ao ver a lápide, segundo o jornal “ProUral”.

Homem é apanhado a fazer sexo com boneca insuflável à beira de autoestrada

Todos conhecomos a expressão “ferro na boneca”! Um homem foi apanhado à beira de uma autoestrada m1 M1 na zona de Northampton (Inglaterra), literalmente  a dar “ferro na boneca”! Para quem não sabe, o que é, grosso modo vai ficar a perceber: o homem estava a fazer sexo com uma boneca insuflável à beira da rodovia.

A Northamptonshire Police recebeu várias chamadas a denunciar o comportamento inapropriado. Quando os policias chegaram ao local, o homem e a sua “acompanhante” já não estavam lá.

Um flagrante da cena insólita foi feito por câmara de segurança da autoestrada. Os condutores que passavam pelo local na altura também captaram o momento insólito.

Nas redes sociais, comentários condenaram o “fetiche” e outros, ironicamente, destacaram a “prudência” do homem, já que ele ficou atrás da cerca de proteção.

Canadá: cidade não repara rua porque o dono morreu há 118 anos

Estradas e/ou ruas com buracos há em todo o lado. Muitos pensam: isso é coisa do terceiro mundo, mas não. O bairro de Kensington Market, em Toronto (Canadá), tem um problema comum a tantos outros bairros: uma rua cheia de buracos. O pior é que a autarquia local recusa-se a tapar os buracos.

Sério!? Sim. Mas há um motivo, segundo a autarquia trata-se de um caminho privado. E então?  Então… o dono morreu há 118 anos! As autoridades da cidade afirmaram que, de acordo com seus registos, a rua é, na verdade, propriedade privada. É uma faixa de terreno que pertenceu a Robert Brittain Denison desde 1861. A questão é que ele morreu em 1900 depois de ter sobrevivido à maioria do seus 12 filhos. Quaisquer que sejam os registos que possam ter existido, foram perdidos, e um porta-voz da família Denison afirmou não ter conhecimento do caminho.

Os moradores argumentam que a rua (apesar de esaberem agora que é privada) é movimentada e serve mais como uma via pública. Um vereador local disse que tentará expropriar a terra a favor da cidade para que esta possa proceder à sua manutenção.

Estrada inglesa com sinistralidade elevada pode estar amaldiçoada por fantasmas de soldados romanos

Uma parte da estrada M6 em Cheshire (Inglaterra), tem vindo a verificar um alto nível de sinistralidade. Mais que a restante parte da estrada e que a média nacional. A culpa, segundo um médium local, é que tal troço está assombrado por fantasmas de soldados romanos.

Uma série de fenómenos estranhos foi relatada por condutores entre os cruzamentos 16 e 19 da M6, incluindo camiões fantasmas, boleias espectrais e avistamentos de legionários. Esta auto estrada atravessa o “triangulo” formado pelas cidades de Liverpool, Manchester e Birmingham.

Nota: voçês acreditam que quando fui ao Google Maps para arranjar uma imagem ilustrativa da estrada para colocar aqui no artigo, depraro-me (em tempo real) com um acidente na dita auto-estrada perto da saída/entrada 17!?  (Como podem ver na foto na parte que deixei a cores). É irónico ou será mais que isso? WTF!?

A M6 com um acidente hoje (na zona a cores), em tempo real equanto escrevia o artigo  

Mike Brooker (o médium) diz que o o propblema pode estar relacionado com umas obras de melhoramento  no valor de 250 milhões de libras (cerca de 280 milhões de €) podem ser as culpadas.

Segundo ele, a existência de um cemitério romano na área das obras na estrada pode ter despertado espíritos de 2.000 anos, que agora assombram os condutores e causam acidentes.

Em entrevista a uma televisão local ele diz conhecer pessoas e familiares das vítimas daquele troço  e “inclina-se”  para a teoria de tudo aqueilo pode estar ligado ao envolvimento dos saxões.  Chama-lhe até o ‘Triângulo das Bermudas de Cheshire’

“Há relatos de um cemitério romano e de que houve um confronto histórico entre os exércitos escocês e inglês. Existem tantas variáveis ​​e possibilidades.

“Durante décadas, a quantidade de acidentes na auto-estrada M6 entre os nós de cesso 17 e 19 é completamente sem precedentes e, estatisticamente, este é sem dúvida um dos piores” pontos negros de acidentes “em qualquer rede de autoestradas do Reino Unido.”

Canadiano acumula 95 derrotas consecutivas em eleições

Há quem lhe chame o “pior político do mundo”. Ou pelo menos o maior derrotado. Não é para menos: John Turmel acumula 95 derrotas consecutivas em eleições.

Engenheiro e apostador profissional, desde 1979 Turmel tenta conquistar votos de eleitores em várias frentes: desde cargos distritais e municipais a deputado no Canadá. Nenhum político no planeta foi tão derrotado em eleições quanto ele. O feito é até reconhecido pelo Livro Guinness dos Recordes.

Os votos de Turmel em tantas eleições variaram de meros 11 a “expressivos” 4.500.

O canadiano, de 67 anos, mora na cidade de Brantford (Ontario), que tem 99 mil moradores. Ele é uma prova de que santos da casa não fazem milagres, já que perdeu dezenas de eleições no município. Atualmente, Turmel disputa a eleição para autarca de Brantford. Os analistas dizem que a derrota é… certa!

Turmel defende o negócio dos casinos e diz que o aquecimento global é uma farsa em forma de piada.

Mas como começou Turmel a ter interesse pela política? Tudo aconteceu após uma rusga policial que pôs fim ao seu negócio ilegal de jogos de azar.

“Então concorri a uma vaga no Parlamento para legalizar o jogo”, disse ele, citado pelo “Guardian”. Foi a primeira e retumbante derrota do homem que, paradoxalmente, costuma apresentar-se como “o mais inteligente do planeta”.

Boa parte do fracasso explica-se pelo fato de Turmel se candidatar aos cargos mas não fazer campanha. A sua exposição limita-se aos debates… mas só quando é convidado.

Marca apresenta modelos com ‘três seios’ na Semana da Moda de Milão

Ainda não começaram a ler o artigo e já imagino os homens a esfregarem as mãos de contentes! Mais um seio!! 😀  Nada disso. 

Vamos então ao sucedido: no recente desfile da marca GCDS na semana de moda de Milão (Itália) não foram os modelitos que despertaram especial atenção. 

Imagem do filme Total Recall

O que roubou a atenção foram as modelos com “três seios”. Obviamente, o terceiro seio é resultado de uma uma prótese, no meio dos originais. E uma referência ao filme futurista Desafio Total (Total Recall) – no Brasil “Vingador do Futuro” -, de 1990 e refilmado em 2012, que tem uma personagem mutante com três seios.

Jogador inglês é pai três vezes, com três mulheres diferentes, em menos de dois meses

Belo hat-trick! O inglês Saido Berahino, atacante do Stoke City (que disputa a EFL Championship, a segunda divisão da Inglaterra) nascido no Burundi, é um fenómeno – fora do campo! Terá feito o seu primeiro hat-trick! De 
filhos! Em menos de dois meses, o inglês foi pai três vezes, com três mulheres diferentes.

Em 30 de maio, Stephania Christoforou, noiva de Berahino -na foto à esquerda- , deu à luz, em Birmingham (Inglaterra). 

A modelo Chelsea Lovelace -na foto à direita- , ex-namorada do jogador, deu à luz em 17 de julho, em Walsall (Inglaterra). Nas duas certidões de nascimento, Berahino, de 25 anos, é identificado como pai.

Como não há 2 sem 3, agora surgiu uma terceira criança, de acordo com os advogados do atleta. Ela nasceu em 15 de julho. Berahino também será o pai. O nome da mãe não foi revelado.

Se a sua pontaria para o golo está desafinada, apenas dois em dois anos, para os filhos Berahino tem a mira certeira.

Em agosto, o avançado voltou a balançar as redes após 900 dias! O último golo de Berahino tinha sido no dia 27 de fevereiro de 2016, quando ainda vestia a camisa do West Bromwich.