Americana incendeia escritório para ir para casa mais cedo

Uma americana abusou da criatividade ao colocar fogo no escritório, fazendo com que o seu chefe a dispensasse do trabalho mais cedo.

Michelle Perrino, de 39 anos, incendiou o seu local de trabalho na cidade de Pasco, no estado da Flórida (EUA), porque não queria terminar o expediente no horário habitual.

Dias depois do incêndio, Michelle pediu as contas do emprego sem que soubessem que foi ela quem causou o acidente.

A mulher foi denunciada por um ex-colega de trabalho, que afirmou ainda que Michelle costumava faltar constantemente.

Ela assumiu ter colocado fogo no escritório e foi sentenciada a nove meses de prisão, além de pagar 4.800 dólares (3.900€) à empresa prejudicada.

Via: G1

Menina de seis anos na lista dos terroristas

Alyssa Thomas, de origem indiana, foi proibida de embarcar com os pais num voo a caminho de Mineápolis

Foi ao tentar entrar no avião de Cleveland para Mineápolis que Alyssa Thomas descobriu que o seu nome estava na lista de suspeitos de terrorismo proibidos de voar para os EUA. A menina de seis anos e origem indiana viu o acesso ser-lhe barrado por um funcionário da companhia aérea Continental que explicou aos pais que a filha estava na mira do Departamento de Segurança Nacional.

Surpreendidos, os pais explicaram depois à Fox News: “Ficámos de boca aberta. Afinal, ela tem seis anos!”, afirmou o médico Sant- hosh Thomas. Depois de muito diálogo, a família lá conseguiu convencer a companhia aérea de que Alyssa não representava um perigo para a segurança nacional e podia embarcar.

Mas não escaparam à recomendação para contactarem a Segurança Nacional e esclarecerem o caso. Foi o que fizeram, mas a resposta das autoridades não foi a esperada. Alyssa recebeu uma carta do Governo a notificar a menina de que nada vai ser mudado na lista dos terroristas proibidos de viajarem de avião. E a explicar como não vão confirmar nem desmentir qualquer informação que tenham sobre ela ou sobre outra pessoa com o mesmo nome.

O pai de Alyssa garantiu, no entanto, que não pretende deixar de viajar com a filha. “Ela anda de avião desde os dois meses e nunca houve problemas”, afirmou.

A lista dos terroristas proibidos de voar foi actualizada depois de, no Natal de 2009, um jovem nigeriano ter tentado fazer explodir um avião a caminho de Detroit.

Via: DN

Vuvuzela causa ruptura de garganta na África do Sul

A sul-africana Yvonne Mayer, de 29 anos, moradora na Cidade do Cabo, é provavelmente a primeira vítima das vuvuzelas. Ela estava a participar numa festa de rua patrocinada pela Fifa, e decidiu soprar a corneta típica pela primeira vez. E soprou bem forte, com plenos pulmões! E soprou, soprou, soprou… De repente, ela sentiu que havia algo de errado na sua garganta, com muita dor.

No dia seguinte, o médico diagnosticou: ruptura da garganta. Agora Yvonne, que é vendedora de seguros, terá que ficar de repouso e, se possível, calada pelos próximos dias.

O médico que a atendeu, Scott Barker, avança que “Ela exagerou com aquilo”.

Para quem deseja evitar acidentes, aqui fica o conselho de Yvonne: “Pare de soprar assim que sentir dor”. “Acho que nunca mais soprarei de novo, porque não é muito divertido”, disse a mulher.

Fonte: Daily Mail

Chinesa encontra ‘Homer Simpson’ em raiz de erva

Um dos personagens mais populares da televisão “apareceu” na China. Apareceu é uma forma de dizer, pois ele “apareceu” em forma de raiz. Uma mulher colheu uma erva, conhecida como fo-ti, com raiz que tem a forma de Homer Simpson: cabeça de batata e olhos esbugalhados, como no desenho animado.

Ming Huang, que trabalha como curandeira em Youxian, explicou:

“Esta raiz geralmente sai da terra com a forma de um homem. Mas foi a primeira vez em que vi um rosto e características tão apropriadas”.

A fo-ti (Polygonum multiflorum) é usada para dar mais vitalidade aos pacientes. O primeiro homem a usar a erva de que se tem notícia foi He Shouwu, um chinês que viveu até aos 132 anos.

Fonte: PageNotFound (OGlobo)

Homem muda de sexo e consegue reformar-se mais cedo

Um homem britânico casado que mudou de sexo aos 58 anos ganhou nos Tribunais o direito de receber a reforma a partir dos 60 anos, idade mínima para as mulheres se reformarem.

Christopher Timbrell, de 68 anos, mudou o seu nome para Christine em 2000, após uma cirurgia para mudança de sexo. A mudança foi feita com o consentimento da mulher, Joy, com quem Timbrell se casou há 42 anos e com quem tem dois filhos. Eles continuam a viver juntos.

Mas o pedido de reforma, feito dois anos após a cirurgia de troca de sexo, foi negado com base numa lei que estabelece que os transexuais casados só têm a mudança de gênero reconhecida oficialmente se tiverem o casamento dissolvido ou anulado.

O Departamento de Trabalho e Pensões, do governo britânico, alegou que “ela” teria que esperar até aos 65 anos, idade mínima para  a reforma dos homens.

A advogada de Timbrell, Marie-Eleni Demetriou, argumentou que a obrigatoriedade de que ela terminasse o seu casamento era uma violação dos direitos humanos.

O juiz que analisou o caso disse que a lei britânica não é capaz de lidar de maneira adequada com casos como o de Timbrell, estabelecendo que as pessoas que são “uma vez homens, são sempre homens”.

Segundo o juiz, a incapacidade da lei de lidar com pessoas que mudam de sexo representa uma discriminação, e por isso o Estado não teria o direito de negar a Timbrell o pedido de reforma aos 60 anos. Ela terá agora direito aos pagamentos retroactivos relativos aos últimos oito anos.

Americana desenterra e guarda em casa corpo do marido e da irmã

Uma mulher de 91 anos é acusada de desenterrar e guardar os corpos do marido e da irmã na sua casa em Wyalusing, no estado da Pensilvânia (EUA).

Jean Stevens teria retirado os corpos do caixão no ano passado e levado para sua casa. A polícia encontrou os restos mortais de James Stevens na garagem, e da irmã da acusada, June, na sala da residência. Eles morreram em 1999.

A polícia acredita que alguém teria ajudado a idosa a retirar os corpos do cemitério e levá-los para a casa de Jean.

Os vizinhos da mulher desconfiavam do caso, mas afirmaram a um canal de notícias americano que Jean Stevens sempre foi muito amiga de todos, porém, discreta. O caso está a ser investigado.

Pedreiro americano tenta, sozinho, capturar Bin Laden

Um pedreiro norte-americano foi preso no norte do Paquistão. Tudo seria normal, não fosse o motivo que levou à sua detenção: ele ía, sozinho,  à caça de Osama Bin Laden!

Gary Brooks Faulkner, de 50 anos, trabalhador na construção civil, foi detido na região montanhosa de Chitral, na fronteira com o Afeganistão, na posse de um punhal, uma pistola, uma espada e equipamento de visão nocturna.

O irmão Scott Faulkner, médico de 43 anos, diz que “depois do 11 de Setembro, Gary achou que a ofensiva militar não era suficiente e que acabou por se tornar uma paixão e daí a missão em capturar Osama vivo ou morto. Depois de ter visitado o Paquistão por seis vezes, Gary tinha ideia onde Osama podia estar escondido”. Ela afirma ainda que o irmão não sofre de nenhuma doença do foro psiquiátrico/mental e que é uma pessoa absolutamente normal.

Há vários anos que se desconhece o paradeiro de Bin Laden, líder da rede terrorista da Al-Qaeda. Fontes de serviços secretos ocidentais suspeitam que poderá estar próximo da fronteira entre o Afeganistão e Paquistão.

Americana milionária deixa 12 milhões de dólares para os seus cães

Os cachorros de uma milionária americana herdaram 12 milhões de dólares(9 milhões e 700 mil €) com a sua morte. A mulher deixou apenas 960.000 dóalres (777.000€) para o filho – Bret Carr- , que está a recorrer à Justiça por se sentir lesado, alegando que um dos assessores da mãe a forçou a deixar a maior parte do dinheiro para os cães.

Gail Posner morreu aos 67 anos e deixou uma fortuna em dinheiro e uma casa para os seus três cachorros. Uma outra parte da herança foi destinada para os funcionários da mansão em Miami. Eles terão acomodação e salário garantidos enquanto estiverem a cuidar dos animais.

Uma Chihuahua chamada Conchita foi a mais agraciada com a morte da mulher. A cachorra tem colares de pérola, um closet repleto de roupas e frequenta SPA’s para relaxar para onde vai no seu próprio Cadillac.

Fonte:

Japonesa oferece sexo para ‘pagar dívida’ de guerra com a China

Anri-SuzukiUma actriz porno japonesa está a oferecer relações sexuais com estudantes chineses para se desculpar pela Segunda Guerra Sino-Japonesa de 1937.

Doutora no assunto, Anri Suzuki, de 24 anos, comoveu-se com a história da invasão japonesa à China nos anos 1930 e quer usar o seu próprio corpo para se desculpar com a nova geração de chineses.

Anri fez a oferta aos alunos chineses que estão em Tóquio e acabaram de estudar o assunto.

“Temos que respeitar a história e, embora não consigamos mudá-la, temos que tentar recompensar os chineses”, argumentou a professora. “Quero curar as feridas da China com o meu corpo e estou a oferecer-me para fazer sexo com estudantes chineses que estão no Japão”.

Segundo Anri, esta seria uma compensação simbólica para os chineses.

Fonte: G1

Homem com mesmo nome do guarda redes inglês que deu frango no Mundial quer ser rebaptizado

robert-green-frangoRobert Green tornou-se um nome amaldiçoado na Inglaterra. O frango que o guarda redes da selecção inglesa sofreu no jogo contra os Estados Unidos, na estreia das duas seleções no Mundial, ainda rende muitas piadas e brincadeiras. A situação é tão dramática que um homónimo de Robert Green, não aguentando mais as gracinhas por causa da coincidência de nome, afirmou que quer mudar legalmente o seu nome.

O outro Green nada famoso, da cidade de Walkington, disse que ficára até animado ao perceber que o guarda redes seria titular contra os americanos. Depois do frango, só mesmo decepção e desgosto.
Fonte: PagNotFound | Daily Mirror | AP

Gémeas com 4 anos de diferença!? Sim!

gemeas2Bailey e Megan Orrells são gémeas. Sim, gémeas separadas por quatro anos!

As meninas britânicas foram originadas dos últimos óvulos que a mãe, Jayne, poderia produzir. Quatro embriões foram obtidos na fertilização in vitro. A mulher e o marido, Simon, usaram uma barriga de aluguer para gerar Bailey, em 2006.

A meio do ano passado, o casal, ambos policias em Luton (Inglaterra), enfrentaram um dilema, já que o prazo legal para armazenamento dos embriões estava para expirar. Em vez de descartar o material congelado, eles resolveram encarar a situação insólita: produzir uma irmã “gémea” a Bailey. E assim Megan nasceu, da mesma barriga de aluguer.

“Ter gémeas com quatro anos de diferença é estranho, mas elas são muito parecidas. Elas têm o mesmo rosto, mas Megan é ligeiramente mais clara”, disse a mãe.

Não há possibilidade de as gémeas virarem trigémeas, garantiu Jayne.

Mulher salva cachorros de incêndio, mas esquece-se do neto!

Mandy-HandsO que salvar primeiro num incêndio: os cachorros ou o neto a dormir? Mandy Hands, de 45 anos, optou pela primeira opção. Quando as chamas se espalharam pela casa, em Coventry (Inglaterra), a mulher correu para salvar os quatro animais de estimação – da raça greyhound – e esqueceu-se do neto no andar de cima.

Por sorte, os bombeiros entraram na casa, pela janela do quarto, e salvaram o menino, que não ficou ferido.

“Eu entrei em pânico e acabei por me esquecer que ele estava aqui”, disse a envergonhada inglesa.

Fonte: PageNotFound | Coventry Telegraph

Modelo é presa por fazer strip para adolescentes

Brigitta-BulgariUma modelo que já posou para a revista “Playboy” foi presa por permitir que adolescentes de 15 anos assistissem a um show erótico seu em Belluno (Itália).

Brigitta Bulgari defendeu-se dizendo: “Havia três mil pessoas no  espectáculo, eu não teria como saber a idade de todos” .
A loira húngura de 27 anos pode ser condenada em até 12 anos de prisão. Enquanto aguarda a decisão judicial, a modelo divide uma cela com uma presa mais velha que, segundo ela, sempre a ajuda muito.

Fonte: PageNotFound

Russa quer indemnização por danificar silicone durante turbulência em voo

Iren-FerrariUma modelo russa está a processar uma companhia aérea porque diz que o seu implante de silicone nos seios foi afectado durante uma turbulência.

Iren Ferrari, de 29 anos, é considerada a mulher com o maior implante nos seios da Rússia. Ela estava num voo da Swiss Airline quando a turbulência a fez bater com os seios no assento da frente. “Foi uma forte colisão. Bati com o meu seio esquerdo. Doeu muito”, disse ela.

Ela não sofreu ferimentos, mas, por conta do incidente, Iren quer que a companhia aérea pague quase 100.000€, para que ela, entre outras coisas, possa voar de Moscovo para Zurique, onde substituirá os 9kg de silicone implantados.

“O espaço entre os assentos era muito pequeno para os seios de Iren”, afirmou o advogado da modelo, Sergei Zhorin.

Fonte: G1 | The Sun

Homem força namorada grávida a assinar contrato de espancamento

homem-violentoUm homem violento forçou a namorada, que está grávida dele, a assinar um “contrato de abuso”, que permitia que ele a espancasse sempre que desejasse. De acordo com o documento, Graydon Smith, de 31 anos, podia esmurrar, chutar e estrangular a namorada de 19 anos sem que ela pudesse recorrer às autoridades. Só havia uma restrição: Graydon não pode atingir a companheira na região abdominal.

O contrato bizarro foi descoberto após a polícia ter ido à casa de Graydon, em Seattle (EUA), seguindo uma denúncia de violência doméstica. O padrasto da vítima chamou a policia após ver Graydon a apertar o pescoço da enteada.

Graydon acabou preso. A namorada foi encontrada com queimaduras no corpo e cortes no rosto.

Fonte: PageNotFound |  Daily Mail