Menina israelita divorcia-se aos 14 anos

anel2Uma menina de 14 anos que acaba de se divorciar do seu marido, três anos mais velho que ela, tornou-se a divorciada mais jovem de Israel, depois de um tribunal rabínico ter considerado válido o casamento que realizaram entre amigos.

A Corte Rabínica de Jerusalém expediu o processo de divórcio após comprovar que a cerimónia matrimonial dos jovens foi na lei religiosa judaica, que dita a legislação marital em Israel. O marido fez os votos frente a alguns amigos, que serviram de testemunhas, e também entregou um anel à esposa.

Os jovens pertencem a famílias tradicionalistas judaicas da área de Jerusalém e, segundo o “Yedioth Ahronoth”, consumaram o casamento.

Quando os pais do menino souberam, insistiram em que obtivessem o divórcio religioso judaico, para que pudessem voltar a casar-se no futuro.

A menina rejeitou inicialmente a ideia e insistiu em que queria viver com o jovem como sua esposa e que pensava em voltar a casar-se oficialmente com ele após atingida a maioridade legal. No entanto, destaca o jornal “Ha’aretz”, a menor voltou atrás após receber uma oferta dos pais do marido de 10 mil shekels (cerca de 2.000€)

Fonte: G1 | EFE

Estudo diz: trabalhar demais leva à demência!

trabalhar-mataUm estudo liderado por cientistas finlandeses sugere que o excesso de trabalho pode aumentar o risco de declínio mental e, possivelmente, de demência.

Demência é um termo genérico que descreve a deterioração de funções como memória, linguagem, orientação e julgamento. Existem vários tipos de demência, mas a doença de Alzheimer, com dois terços dos casos, é a forma mais comum.

O estudo analisou 2.214 funcionários públicos britânicos de meia idade e descobriu que aqueles que trabalhavam mais de 55 horas por semana tinham menos habilidades mentais do que os que faziam o horário normal.

A pesquisa, divulgada na publicação científica American Journal of Epidemiology, descobriu que os que trabalhavam demais tinham problemas com a memória de curto prazo e lembrança de palavras.

Ainda não se sabe a razão do excesso de trabalho causar estes efeitos no cérebro.

Fonte: BBC Brasil

Cafeteria com empregadas em topless cria polémica nos EUA

topless-cafeUm café (cafetaria) que abriu na passada segunda-feira (dia 23) virou o centro dos debates na cidade de Vassalboro, no estado do Maine (EUA), já que suas empregadas trabalham em topless.

À porta do estabelecimento  “Grand View Topless Coffee Shop” há um aviso que diz: “apenas para maiores de 18 anos”. Já outro destaca que é proibido fotografar, tocar nas mulheres e que o estabelecimento aceita apenas dinheiro.

Segundo a empregada Susie Wiley, de 23 anos, homens, mulheres e casais têm ido ao local. Ela contou que aceitou o emprego porque é “algo diferente”. Além disso, destacou que trabalha em cafés desde que era adolescente.

No mês passado, a “cafeteria” levantou a ira de dezenas de moradores, mas a administração municipal disse que ela respeita a legislação local.

Fonte: G1 | Portland Press Herald

Jovem dominicano está há seis dias com erecção prolongada

penis1O dominicano Antonio Rosa, de 23 anos, apresentava na terça-feira (dia 24) uma erecção prolongada que já durava há seis dias. O problema começou após ele ter tomado dois estimulantes sexuais misturados com álcool e uma bebida energética, já que tinha um encontro com uma mulher.

Rosa foi levado para o hospital, mas os médicos da cidade de Santiago deram-lhe alta na terça-feira. No entanto eles não descartam que seja necessária uma intervenção cirúrgica se não funcionar o tratamento recomendado.
“Há alguns dias um paciente jovem chegou à área de emergência do hospital com um problema de priapismo [erecção persistente]”, disse um dos médicos, destacando que o tratamento para fazer com que o pénis voltasse ao estado flácido não deu o resultado desejado.

Rosa, que ficou cinco dias internado no hospital, disse na terça-feira que o pénis continuava erecto. “Os médicos disseram-me que é preferível que a situação melhore com o tratamento recomendado, porque, se for operado, poderia ficar impotente e isso preocupa-me”, disse ele.

Fonte: G1 | El nuevo Diario

Homem estrangula esposa após ela dizer nome de outro durante o acto

sexo-nome-erradoUm inglês de 53 anos assassinou a esposa durante o acto sexual. Perguntarão: mas porquê? Pois, a agora falecida, na altura bem vivinha, chamou-lhe “Paul” em pleno acto sexual mas ele chamava-se… Colin!

De acordo com a versão de Colin Scully apresentada em tribunal, Tracey, de 39 anos, chamou-o de “Paul” quando os dois se estavam a mar. Resultado: Tracey acabou estrangulada na cama. O caso aconteceu na pequena e pacata Bridlington (Inglaterra)

Colin contou que suspeitava que Tracey estivesse a ter um caso extraconjugal e afirmou que a esposa enviava mensagens bem picantes por telemóvel.

O assassino revelou que “Paul” é Paul Deighton, um homem que o casal conheceu em um clube de patinagem.

Ao juiz, Colin comentou ter ficado “fora de si” ao ouvir o nome do outro na cama.

De acordo com um patologista, Tracey pode ter levado um “tempo considerável” para morrer. A mulher sofria de esclerose múltipla.

Depois de matar Tracey, Colin foi dormir no quarto dos filhos do casal. No dia seguinte entregou-se à polícia.

Fonte: dailymail.co.uk

Antes 7FM agora “Arco da Velha”

Se veio “reencaminhado” do 7fm.eu, pedimos sua compreensão! Não, não foi um brincadeira de Carnaval! Surgiu a necessidade de libertar o domínio 7fm.eu para projecto futuro (dentro de meses). Pelo que, tratando-se este de um blog com notícias insólitas, inusitadas, estranhas, no fundo, notícias do “Arco da Velha”, mudámos precisamente para esse nome!

Quer contactar-nos?

  • arcodavelha@arcodavelha.eu
  • webzine.arcodavelha@gmail.com

Quer acompanhar-nos através do nosso feed?

  • Adicione-nos aos seus sites  Favoritos (actualizado)

Seja de que forma for, continue connosco! Gostamos da sua visita!

EUA gastam 5 milhões para incentivar o casamento!

casamento1O governo americano vai iniciar uma campanha publicitária para aumentar o número de matrimónios. Foram investidos 5 milhões de dólares em publicidade para tentar conter a queda no número de casamentos no país.

A iniciativa foi ideia do departamento de Saúde que, por meio de revistas e da internet, em especial sites de relacionamento, passou a incentivar os jovens a partir dos 20 anos a casarem-se.

A campanha, que entra em vigor em março, “quer promover um diálogo com os jovens, que por momentos o vêem (o casamento) como uma instituição antiga”, explicou Ellen Holman, que organiza a campanha.

A iniciativa, resquício do governo de George W. Bush, é o marco inicial do projecto de apoio ao matrimónio, votado pelo Congresso em 2005 com um investimento previsto de 150 milhões de dólares ao ano, sob o tem “O matrimónio é o fundamento de uma sociedade que prospera”.
Fonte: Terra Notícias | AFP

EUA gastam 5 milhões para incentivar o casamento!

O governo americano vai iniciar uma campanha publicitária para aumentar o número de matrimónios. Foram investidos 5 milhões de dólares em publicidade para tentar conter a queda no número de casamentos no país.

A iniciativa foi ideia do departamento de Saúde que, por meio de revistas e da internet, em especial sites de relacionamento, passou a incentivar os jovens a partir dos 20 anos a casarem-se.

A campanha, que entra em vigor em março, “quer promover um diálogo com os jovens, que por momentos o vêem (o casamento) como uma instituição antiga”, explicou Ellen Holman, que organiza a campanha.

A iniciativa, resquício do governo de George W. Bush, é o marco inicial do projecto de apoio ao matrimónio, votado pelo Congresso em 2005 com um investimento previsto de 150 milhões de dólares ao ano, sob o tem “O matrimónio é o fundamento de uma sociedade que prospera”.

Fonte: Terra Notícias | AFP

Já recordista mundial, mulher pensa em casar-se pela 24ª vez

A norte-americana Linda Lou Wolfe, de 68 anos, que tem lugar no Guinness Book (livro dos recordes) como a mulher que teve o maior número de maridos (23), disse, em entrevista ao jornal “Indianapolis Star”, que pensa em… casar-se mais uma vez!

“Gostaria de me casar novamente”, disse ela, que usa o sobrenome do seu último marido, Glynn “Scotty” Wolfe. Eles-se casaram por publicidade em 1996, já que Scotty detinha o recorde entre os homens . Linda foi na altura a sua 29ª esposa.

Scotty morreu poucos dias antes do casal comemorar um ano de casamento. Ele foi o último de uma lista que começou em 1957. Na época com 16 anos, Linda casou-se com George Scott. O primeiro casamento foi, por sinal, o mais duradouro, sete anos.

Já o casamento com Fred Chadwick foi o mais curto: foram apenas 36 horas. No entanto o mais estranho foi com Tom Stutzman, que cumpria pena por violação. Os dois casaram-se na prisão de Pendleton, no estado de Indiana.

Linda Lou nasceu em 1940, sendo a mais nova de sete filhos. Hoje, ela mora na cidade de Anderson, no estado de Indiana.

Fonte: G1 |Indianapolis Star

Indiano com pêlos de 25 cm nas orelhas não tem rivais

Um hindu, que desde 2003 integra o Guinness Book, o Livro dos Recordes, em função do tamanho dos pêlos das suas orelhas, conquistou uma marca que o distancia de qualquer possível rival: os pêlos das suas orelhas, que mediam 13 cm quando atingiuo recorde, chegaram aos 25 cm!

Radhakant Baijpai, de 58 anos, não corta os pêlos das orelhas há quatro décadas. Embora a prática pareça estranha aos ocidentais, no seu país, a Índia, a população acredita que dá sorte.

A mulher de Baijpai gostaria que ele cortasse os pêlos, mas ele está orgulhoso do recorde e mantém firme a ideia de deixá-los crescer cada vez mais.

O indiano acredita que apenas o seu filho, que diz ter saído a ele, lhe possa retirar o seu recorde um dia.

Fonte: Terra Notícias | Daily Mail

Empresa austríaca promove campanha para troca de vibradores

Uma empresa austríaca oferece até 40 euros de desconto para os clientes que substituírem os seus velhos vibradores por modelos novos. O objectivo do plano é reactivar a economia do sector num momento de crise internacional, segundo o jornal alemão “Die Welt”.

O desconto é oferecido pela empresa austríaca Schwabe, especializada na venda de produtos eróticos na internet. A empresa, que comercializa os seus produtos nos países de língua alemã, espera aumentar as vendas com a promoção.

“A nossa iniciativa visa revitalizar a economia doméstica”, disse o executivo Thomas Schwabe.

De acordo com “Die Welt”, a população alemã conta com oito milhões de vibradores, mas nem todos são modelos novos.
Fonte: G1

É proibido beijar junto a estação de comboios inglesa

Autoridades inglesas recorreram a cartazes com a mensagem “proibido beijar” para tentar evitar atrasos numa estação de comboios de Warrington, na Inglaterra. As placas foram colocadas no local onde normalmente são deixados os passageiros e onde se prolongam as despedidas.

De acordo com a agência AP, aqueles que deixam os viajantes na estação ferroviária de Warrington Bank Quay acabam por bloquear o caminho com os seus veículos durante as despedidas. O objectivo é fazer com que aqueles que se queiram demorar mais nos beijos e abraços, paguem para estacionar os carros em algum outro local próximo.
Fonte: Terra Notíicias

Cidade holandesa fica sem arquivo pornográfico

O arquivo pornográfico da cidade holandesa de Leeuwarden desapareceu. Ele havia sido criado na década de 70. O arquivo continha fotos pornográficas, desenhos e textos eróticos, segundo o porta-voz do centro histórico, Eri  Krikke.
A administração local ainda não sabe se o arquivo foi extraviado ou mesmo roubado. O autarca de Leeuwarden, Ferd Crone, disse à imprensa que foi apanhado de surpresa, pois nem sequer sabia da existência de tal arquivo/colecção.

Uma das hipóteses é que o material tenha sido perdido durante uma remoção. Segundo Krikke, a maior parte do arquivo foi montada por um curador “fanático” do centro histórico, principalmente durante as década de 60 e 70.

A colecção incluía um exemplar raro da edição de fevereiro de 1998 da Playboy holandesa, que trazia uma jovem de Leeuwarden. Ao ser questionado, Krikke concordou que era estranho a cidade ter uma colecção pornográfica, mas destacou que ela faz a maior falta.

Edição: 7fm.eu/webzine/ Fonte:G1

Receba um saco de marijuana na compra de um DVD

Na promoção do DVD do filme “The Wackness” no Reino Unido, a empresa Revolver Entertainment está a oferecer um saco de marijuana e uma viagem a Amsterdão (na Holanda), onde há locais em que é tolerado o consumo da droga.

Segundo a empresa, há um bilhete premiado entre os mil primeiros DVDs que forem vendidos. O filme “The Wackness” fala da relação de “amizade” entre um deprimido psiquiatra e um jovem traficante de marijuana.

O vencedor da promoção poderá levar um acompanhante até à capital holandesa. Segundo a empresa, o “sortudo” irá receber um pacote de marijuan de alta qualidade, que poderá ser consumida legalmente em Amsterdão.

Edição: 7fm.eu/webzine/ Fonte: G1

Refrigerante de urina de vaca? Sim, existe, na India!

Um dos mais notórios grupos culturais hindus, o Rashtriya Swayamsevak Sangh (RSS), desenvolveu, na Índia, o que tem chamado de uma alternativa “saudável” a refrigerantes feitos à base de cola. Na cidade sagrada de Haridwar, o refrigerante Gau Jal (algo como Água de Vaca) é produzido a partir da urina do animal.

Os hindus idolatram as vacas por conta dos seus derivados lacticínios, mas muitos consomem também urina e fezes dos animais em bebidas e temperos por acreditarem nas propriedades curativas dos excrementos. Em algumas regiões, esterco e urina de vaca são vendidos em mercados ao lado de leite e iogurte. Os produtos são ainda usados em pastas de dente e bebidas tónicas.

Agora, o Departamento de Protecção das Vacas ligado ao RSS desenvolveu o refrigerante de urina de vaca e espera promover a crença nas propriedades curativas do xixi animal num mercado muito maior que o da cidade de Haridwar.

Segundo Om Prakash, director responsável pela bebida, a RSS trabalha agora para desenvolver métodos mais eficientes de armazenamento da bebida para que ela tenha uma data de validade maior e possa ser comercializada noutras regiões da Índia e até exportada.

Edição: 7fm.eu/webzine/ Fonte: Terra Notícias | Telegraph