Nov 22, 2007
434 Views

Revista alemã publica 160 mil exemplares com capas diferentes

Written by
A revista mensal alemã Cicero, que se auto denomina a “revista para a cultura política”, chegou hoje às bancas com uma tiragem de 160 mil exemplares. Até aqui “tudo normal”… Só que cada exemplar com uma capa diferente, o que transforma cada unidade numa peça única.

Para implementar um projecto tão original, a redacção da Cicero teve acesso a todo o arquivo gráfico de 2007 da agência de notícias britânica Reuters.

Todos os exemplares têm como fundo imagens pequenas para as quais foram usadas 50 milhões de fotografias, enquanto cada um possui impresso em cima deste fundo uma foto diferente e exclusiva em relação às demais.

Mas o projecto não se fica por aqui pois:

  • a contracapa da revista, comprada pela empresa alemã de automóveis BMW, publica 160 mil anúncios diferentes para promover o seu novo modelo 1 Coupe, acto inédito no mercado publicitário.
  • na lombada da revista foi colocado o número de cada exemplar e foram impressas 160 mil linhas da imagem “Rhein-Bild” do fotógrafo Stephan Kaluza. Ele percorreu a pé o maior rio alemão desde a origem até à sua foz fazendo um grande registo fotográfico. Posteriormente, Kaluza juntou cada foto numa única imagem panorâmica de 4 km de comprimento.
  • na quinta-feira, 20 mil personalidades das áreas de política, economia, imprensa e marketing encontrarão nas suas caixas de correio um exemplar da Cicero, sendo que 11 mil delas verão a sua própria fotografia estampada na capa.
  • mas a publicação ainda quis coroar a ideia oferecendo aos leitores a possibilidade de encomendar um dos 500 exemplares duma edição especial na qual poderão ver impressa a foto que quiserem.

Isto é a personalização da revista levada ao pé da letra. A revista quebra também com a sua própria tradição: é a primeira vez na sua história que publica fotografias na sua capa, que geralmente é adornada com imagens de banda desenhada e obras de pintores contemporâneos.

Redacção:7FM Fonte: Terra Notícias/EFE

Article Categories:
Insólito

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *