Out 15, 2006
304 Visitas

Alemão (preso) quer doar sémen a 2000 paraguaias

Escrito por
Um alemão preso em Assunção no Paraguai, ofereceu-se para doar sémen a 2000 paraguaias que desejem ter um filho e mais tarde usufruir dos direitos de ter um filho de pai alemão.
O “super-pai”, Jurgen Ernest Hass, quer vingar-se das autoridades do seu país que o condenaram à prisão por exercer uma profissão sem habilitação legal.
Os advogados de Hass apresentaram a proposta ás autoridades da judiciais do Paraguai.
As mulheres interessadas que queiram “conceber um filho de nacionalidade alemã” deverão visitá-lo na penitenciária de Tacumbú.
Desta forma as crianças “poderão beneficiar de um subsídio do governo alemão, passaporte, educação e serviços de saúde gratuitos”, segundo o comunicado.
Na Alemanha ele é acusado de varios crimes, por exemplo: violar a lei de adopção, e falsificação de documentos. As autoridades alemãs solicitaram a sua extradição.
Redacção: 7Fm Fonte: Yahoo!Noticias
Categorias dos artigos
Insólito

Comenta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *